Adega de Monção: A vinícola localizada no coração da região dos Vinhos Verdes

Em 2021, todo mês teremos uma vinícola escolhida para que possa conhecê-la melhor (história, região, origem e vinhos).

A vinícola do mês de janeiro é a Adega de Monção que tem tem sede no coração da região dos Vinhos Verdes, nas cidades de Monção e Melgaço. Todos os seus vinhos brancos possuem a uva Alvarinho, a mais nobre da região. A marca Muralhas é o Vinho Verde mais vendido em Portugal.

Sua história

Fundada em 1958 por iniciativa de 25 viticultores e situada em plena Região demarcada dos Vinhos Verdes, na sub-região de Monção e Melgaço, esta vinícola é reconhecida de forma unânime como uma das melhores adegas cooperativas de Portugal. Conta com 1.720 produtores associados que somam uma área de vinha de 1.237 hectares e produções na ordem dos 8.000.000Kg anuais, dos quais 60 dizem respeito à casta Alvarinho.

Toda o processo de cultivo das vinhas é acompanhado de perto pelos engenheiros agrônomos da Adega de Monção. A recepção das uvas é feita de forma muito criteriosa. A Adega de Monção possui modernas prensas pneumáticas que fazem uma extração muito delicada, para que o Alvarinho que é uma casta muito aromática, mantenha suas melhores características.

Essas características fazem com que a empresa e seus produtos sejam reconhecidos internacionalmente.

Sua Origem

A região de Monção e Melgaço é uma das mais belas regiões de vinhos em Portugal. É o berço e principal local de plantio da uva Alvarinho, a mais nobre casta da região. A DOC (denominação de origem controlada) Vinhos Verdes tem esse nome pelo verde que a paisagem da região apresenta. Por ter autos índices de chuvas durante todo o ano, as folhas e o verde da região se mantém durante todas as estações e por isso a região é chamada de Vinhos Verdes.

One thought on “Adega de Monção: A vinícola localizada no coração da região dos Vinhos Verdes

Deixe um comentário

This site uses cookies to offer you a better browsing experience. By browsing this website, you agree to our use of cookies.
×